segunda-feira, 16 de maio de 2011

BIUTIFUL




A odisseia de Uxbal (Javier Bardem), um pai solteiro entre conflitos, que se perde e encontra pelos labirintos do submundo de Barcelona, e que, acima de tudo, tudo fará para salvar os seus filhos e reconciliar-se com um amor perdido enquanto a sua morte parece cada vez mais próxima. Amor e espiritualidade, crime e culpa, conjugam-se para levar Uxbal, com negócios escuros na exploração de imigrantes ilegais e uma suposta capacidade de comunicar com os mortos, até ao seu destino de herói trágico. "É um requiem", resume o realizador Alejandro González Iñárritu ("Babel", "21 Gramas", "Amor Cão). O filme, nomeado nos EUA para um Globo de Ouro para melhor filme estrangeiro, valeu ao oscarizado Bardem o prémio para melhor actor no festival de Cannes. 


Cannes 2010 - Prémio Melhor Actor (Javier Bardem)


Óscares 2011 - Nomeações para Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Actor (Javier Bardem)


Globos de Ouro 2011 - Nomeado para Melhor Filme Estrangeiro





"Gonzalez Inarritu segue Uxbal (Bardem) com grande intimidade, enterrando a câmara na sórdida vida de rua que este vive e introduzindo diversas personagens como um alívio agudo e vivo. Concede às suas personagens a dignidade de ter sentimentos e motivos, não se comportando simplesmente como habitantes mecanizados de uma cena de um crime. (...) Bardem (...) consegue ser belo, feio, duro, terno ou um monstro (como em "Este País Não é Para Velhos"). Aqui ele sofre, e é bom, e, em parte, sofre por não conseguir praticar boas acções." 

2 comentários:

Lúcio Rodrigues disse...

Posso partilhar o teu post no meu blogue?

mojorising disse...

Claro que sim... à vontadinha. Põe apenas a fonte. Abraço